Linguagem: EnglishFrenchGermanItalianPortugueseRussianSpanish

Justiça Desportiva elimina 2 jogadores do futebol e condena 5

Justiça Desportiva elimina 2 jogadores do futebol e condena 5
[foto] - Crimes de manipulação destroem os ambientes de esportes, especialmente o futebol. Foto CBF, Fernanda Torres

02-06-2023 20:00:43
(173 acessos)
 
Estão eliminados do futebol e nunca mais poderão jogar profissionalmente, os jogadores Gabriel Tota, que atuava no time do Ypiranga (Rio Grande do Sul) e Matheus Gomes, que já não trabalha em nenhuma agremiação futebolística do Brasil. Foram as punições impostas pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), através da 4ª Comissão Disciplinar, no Rio de Janeiro. No processo, 8 jogadores foram sentenciados pelo crime de manipulação de resultados no Campeonato Brasileiro de 2022

 


Não houve muita surpresa no resultado do julgamento, que funciona como uma advertência aos praticantes de ilícitos no desporto do Brasil. Absolvido foi só o lateral Igor Cariú, que atua pelo Sport do Recife (Pernambuco). 

Advogadfos constituídos pelos réus, acreditam em minoração das penas. Mas comentaristas de futebol, não acreditam que haja modificação, a bem da prátgica desportiva e da própria sobrfevivência financeira das agremiações. Raciocínio é que empresas exitosas se recusam a praticar maldades. 

 

Sentenças do Tribunal

Gabriel Tota (Ypiranga-RS): eliminação + multa de R$ 30 mil

Matheus Gomes (sem clube): eliminação + multa de R$ 10 mil

Paulo Miranda (sem clube): mil dias de suspensão + multa de R$ 105 mil

Moraes (Aparecidense): 760 dias de suspensão + multa de R$ 55 mil

Kenin Lomónaco (Red Bull Bragantino): 380 dias de suspensão + multa de R$ 25 mil

Fernando Neto (São Bernardo): 380 dias de suspensão + multa de R$ 25 mil

Eduardo Baumerman (Santos): 12 jogos

 

 

Fonte: STJD
 

 Não há Comentários para esta notícia

 

Aviso: Todo e qualquer comentário publicado na Internet através do Noticiario, não reflete a opinião deste Portal.

Deixe um comentário

MvdqB